Loading...

quinta-feira, 19 de julho de 2012

VOCÊ CANSOU DE CORRUPÇÃO?

Participe da CAMPANHA: nessa eleição troque um ladrão por um cidadão.
Fonte: http://www.ovale.com.br/nossa-regi-o/luciana-peixoto-deixa-o-pmdb-1.284275

Pra quem não leu o texto (e-mail que eu recebi) que eu publiquei na edição de ontem, posto outra vez, pois acho que cabe nesta reportagem. E se possível, copiem e divulguem ao máximo de pessoas, pois precisamos urgente, mudar o cenário político brasileiro. Leiam com atenção: O BARBEIRO - O florista foi ao barbeiro para cortar seu cabelo. Após o corte perguntou ao barbeiro o valor do serviço e o barbeiro respondeu: Não posso aceitar seu dinheiro porque estou prestando serviço comunitário essa semana. O florista ficou feliz e foi embora. No dia seguinte, ao abrir a barbearia, havia um buquê com uma dúzia de rosas na porta e uma nota de agradecimento do florista.Mais tarde no mesmo dia veio um padeiro para cortar o cabelo. Após o corte, ao pagar, o barbeiro disse: Não posso aceitar seu dinheiro porque estou prestando serviço comunitário essa semana. O padeiro ficou feliz e foi embora. No dia seguinte, ao abrir a barbearia, havia um cesto com pães e doces na porta e uma nota de agradecimento do padeiro. Naquele terceiro dia veio um político para um corte de cabelo. Novamente, ao pedir para pagar, o barbeiro disse: Não posso aceitar seu dinheiro porque estou prestando serviço comunitário essa semana. O político ficou feliz e foi embora. No dia seguinte, quando o barbeiro veio abrir sua barbearia, havia uma dúzia de político fazendo fila para cortar cabelo. Essa é a diferença entre os cidadãos e os políticos. "Os políticos e as fraldas devem ser trocados frequentemente e pela mesma razão." (Eça de Queiróz) NA PRÓXIMA ELEIÇÃO TROQUE UM LADRÃO POR UM CIDADÃO. CAMPANHA PRÓ-FAXINA DOS POLÍTICOS. Vamos compartilhar a mensagem acima, com todos os nossos contatos, a campanha é séria e precisamos mudar o quadro que ai está.
Comentado por CASANOVA, 19/07/2012 07:51

Nenhum comentário:

Postar um comentário